Os 5 maiores problemas de gestão de bares e restaurantes

Os 5 maiores problemas de gestão de bares e restaurantes

Quantos negócios entre bares e restaurantes você vê abrirem e fecharem as portas em um período curto de tempo? Segundo a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), 50% dos empreendimentos da área fecham as portas em menos de dois anos.

Mas, em um cenário tão promissor como o mercado de alimentação fora do lar, por que tantos negócios não vão pra frente? Com toda certeza os problemas de gestão de bares e restaurantes estão associadas ao mal planejamento e outros fatores decisivos.

Pra fugir disso e garantir o sucesso do seu restaurante, listamos abaixo os 5 maiores problemas de gestão de bares e restaurantes. Confira e saiba como evitá-los, revertendo a situação a seu favor para vender mais e de forma qualificada.

1. Começar sem planejamento

A falta de planejamento é um dos maiores problemas de gestão de bares e restaurantes. Ter um plano de negócio é o primeiro passo para não cair nesse erro e iniciar as atividades do negócio com tudo programado e organizado.

O planejamento envolve as estimativas de gastos e investimentos, suas metas e objetivos, público alvo, custos fixos e tudo que o bar ou restaurante precisará para operar. Com um plano, você consegue prever o ponto de equilíbrio do negócio e pode definir as estratégias mais adequadas para atingir o sucesso.

Além do planejamento, ter um conceito estruturado é fundamental para formulação do cardápio, da margem de lucro e das atividades como um todo. Sem um conceito, fica difícil construir a identidade da marca com seu público e pensar ações para atingi-lo e fidelizá-lo.

2. Não conhecer seu mercado e seu público

Muito mais comum do que pode parecer, a maioria dos empresários gastronômicos não procura conhecer a fundo o mercado no qual estão inseridos e o perfil de seu público antes de abrir as portas.

Sem saber como se posicionar e não conhecendo as expectativas e demandas do seu público-alvo, esses negócios não conseguem desenvolver estratégias certeiras para ter um bom fluxo de vendas e fidelizar seus clientes.

Para que isso não aconteça, inclua em seu planejamento um detalhamento de público, da região demográfica onde pretende atuar, e esteja sempre acompanhando as práticas e tendências de mercado para não ficar pra trás.

3. Ter uma equipe mal preparada

Outra questão comum entre os problemas de gestão de bares e restaurantes é a preparação da equipe. Seus funcionários devem estar alinhados com os produtos que você oferece, os valores e princípios do restaurante e com os outros membros da equipe.

Funcionários mal preparados tendem a errar mais e atrasar processos simples do dia a dia, por isso, invista em treinamentos e mantenha uma cultura de diálogos e feedbacks constantes para aprimorar o serviço e fazer alterações sempre que preciso.

Preze pela qualidade do serviço oferecido e priorize, também, o bom atendimento, de forma que essa qualidade reflita na experiência dos clientes com seu negócio!

4. Não divulgar o seu negócio

De que adianta ser organizado e ter produtos e serviço de qualidade se os clientes não souberem disso? O marketing e a divulgação do seu negócio devem estar entre as prioridades para evitar esse que é um dos problemas de gestão de bares e restaurantes.

Mesmo que você confie muito em seu produto, é preciso criar formas de trazer o cliente até você para que ele se apaixone pela sua marca. A partir disso, você pode conquistá-lo de outras formas a fim de fidelizá-lo.

Assim, invista na divulgação do seu bar ou restaurante, principalmente na divulgação através da internet, que tem maior poder de alcance e oferece ferramentas de segmentação de público mais específicas, ou, com um público qualificado, desde que feito com planejamento e da forma adequada.

5. Não ter controle administrativo

Segundo a Abrasel, em uma pesquisa de 2016, 34% dos restaurantes, bares e lanchonetes operam no vermelho. O número assusta, mas não deveria, já que estão associados a problemas de gestão de bares e restaurantes muito comuns, como a falta de controle.

Ter um controle administrativo eficaz é essencial para o gestor. Controle financeiro, controle de estoque e um fluxo de caixa rigoroso permitem conhecer o negócio a fundo e trabalhar com mais segurança e solidez.

Para facilitar tudo isso, existem hoje soluções, como as oferecidas pela F-Rest, de automação desses controles com programas que ajudam a padronizar processos e otimizar tempo.

Além disso, contar com o auxílio dessas ferramentas, minimiza erros comuns e contribuem para a organização e mensuração do desempenho das vendas, do faturamento, até de coisas mais simples como mapeamento de mesas e fechamento de caixa.

Ter um negócio food service não é tarefa simples, mas é um desafio compensador se você fugir dos principais problemas de gestão de bares e restaurantes.

Se você tem alguma dúvida sobre o assunto, entre em contato com nossos especialistas. Temos um time de profissionais experts no segmento de TI e administração de food services, solicite uma proposta para o seu negócio!

Banner E-book F-Rest

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dicas e guias gratuitos para o seu restaurante

Assine nossa newsletter e receba em seu e-mail nossas novidades, guias especiais e dicas úteis para o crescimento do seu Food Service.
Bitnami